Linköping I

Finalmente decidi dedicar algum tempo a mostrar Linköping, uma cidade muito bonita, eu diria cinematográfica, como escrevi em vários e-mails. Linköping é, segundo a Wikipedia, a quinta maior cidade da Suécia e é a capital de Östergötland County, mais ao sul. Lá vai um pouco de conhecimento enciclopédico:

.:Linköping is also the episcopal see of the Diocese of Linköping (Church of Sweden) and is well known for its cathedral.

Linköping is the center of an old cultural region and celebrated its 700th anniversary in 1987. Nowadays Linköping is known for its university and its high-technology industry. Dominating the city’s skyline from afar is the steeple of the cathedral.

Religious centers tend to become educational centers, and Linköping was no exception. A cathedral school can be traced from 1266. In 1627 the current Linköping cathedral school was established, making it the third oldest gymnasium in Sweden.

Linköping is Sweden’s fifth largest city and growing, both geographically and in population, currently around 142,000.:

Para mais Linköpings facts and figures:

http://en.wikipedia.org/wiki/Linköping

DSC00069

Esse caminho é lindo, bem florido, passa pela biblioteca pública até chegar a igreja, como é possível ver abaixo. Linköping é bem pequena.

DSC00071

DSC00074

A catedral é lindíssima e muito antiga, parece ser super importante para a regiao. No dia em que visitei-a pela primeira vez (fui até cumprir promessa – lembra Chris, como funciona ir a igreja? hehe), estava rolando um encontro de bispos, padres etc etc, uma galera reunida. Um padre veio conversar comigo, super simpático, explicou que se tratava de um evento importante, estavam elegendo representantes, enfim. Ele falou que eu era super bem-vinda, tinha até cafezinho, mas fiquei meio sem graca de acabar com o café sagrado. Acho que eles precisavam mais do que eu, eleicoes divinas. Assisti a tudo sem entender uma palavra, claro.

Heavy metal do senhor
Heavy metal do senhor

DSC00078

Após passar pela catedral, chega-se ao centro. A rua acima é a principal para .:baladas:., hehe. Nao que haja muitas. Dá para ver o Platå, ao qual fui um outro fim-de-semana. As pessoas pedalam o tempo inteiro, é ótimo para o corpo e o ambiente, lógico. A questao é que a sensacao nao é tao agradável quando está bem frio. Nos primeiros dez minutos, até aquecer, voce amaldicoa Linköping, Suécia, a vida, as roupas, todos os pensamentos que vem a cabeca sao acompanhados por fucking. Fucking country, fucking weather e assim por diante. Vento gélido em lugares inimagináveis. Depois voce se acostuma, olha ao redor e percebe que é uma beleza. Tenho dificuldades para respirar, sinto-me cansada, além do sobe e desce. É bem sutil, mas Linköping nao é exatamente plana. Minha bicicleta é do Erik, ele tinha duas. É bem vintage. Aqui, usa-se chave na própria bicicleta. Estacione. Gire a chave no treco perto do pneu e pronto. Um fator muito engracado é pedalar com roupas comuns, nao de ginástica. Nao estava acostumada. Ainda mais quando trata-se de salto alto. As meninas, que sao bem fashion, pedalam arrumadíssimas. Eu quase sempre quase caio.

DSC00079

Praca central
Praca central

Descendo a rua e virando a direita, chega-se a praca central, cheia de cafés charmosos, boulevard, muitas lojas, banco, farmácia… Tudo é bonitinho, arrumadinho, com florzinha, como a Valéria diz, dá vontade de usar o diminutivo, porque é tudo fofo. As lojas de roupa e sapatos tem um toque punk. Claro que me refiro, paradoxalmente, ao punk de boutique.

Praca central com pessoas
Praca central com pessoas

DSC00082

DSC00083

DSC00084

Há muitos imigrantes e refugiados na cidade. Pensávamos que eu seria a atracao principal, mas o lugar está cheio de pessoas de outros países, principalmente árabes. Aliás, as pessoas pensam que sou árabe. Já me pararam na rua, os homens árabes olham… É muito engracado. As cantadas sao em árabe muitas vezes. Como diria Fe Pires, Cams Estocolmo sucesso total! (no Oriente Médio). É super comum cruzar com mulheres de burka.

DSC00085

Meninas solteiras ou insatisfeitas, aqui é O lugar. Eu já garanti meu bofiscandalo, garantam já o seu. É melhor que o hostel.

DSC00087

Anúncios

3 comentários sobre “Linköping I

  1. cecilia

    aiaiaiaiaiai…q saudade de vc….adorei seu comment do café sagrado…kkkk…realmente vc iria acabar com todo café…rss…aliás, uma pergunta, o café aí é igual ao daqui? o sabor é o mesmo? Estou adorando seus posts, ver as fotos e principalmente, ver q vc esta bem e feliz…
    Muitos beijos c/ saudades…

    Curtir

  2. Louise

    Que cidade linda Camis!
    Já to louca pra te visitar e conhecer Linköping 🙂
    Várias bicicletas e pessoas a pé, já achei um ótimo lugar pra se morar ahahahaha

    Curtir

  3. Natália

    Opa,acho que tb quero um bofscandalo!! um extra é sempre bom né… ops, sou casada, mas não MORRIIII
    ABAFA O CASOOOOOOOOOOOO
    hehe
    mas e o frio??? pessoas perdidas de bermudas e blusas sem manga??? não tá frioooooo???

    Adorei a igreja, linda linda linda!! Camila, vc está indo a igreja???!!!
    Bom, faz bem … vá!!! tem mesmo muito o que agradecer!!!

    Que lugar lindo, parece assim Campos, tudo floridinho e talz, amei!!!

    Bicicleta, imagino que vc está causando!!! Poor Erik!!!
    Recadinho para o Erik: “Tudo bem querido, ela é assim mesmo!!! A culpa não é sua, nem da bicicleta, nem da cidade… faz parte da essência da Camila ser destrambelhada!! It’s ok!!!”

    Cá, já fez brigadeiro para o Erik???

    bjosssssssssss no coração de ambos

    Curtir

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s