Road trip na Irlanda: no caminho do gigante

A calçada do gigante, ou The Giant’s Causeway, é uma das principais atrações turísticas da Irlanda do Norte. Como eu havia já dito em outros posts, é para lá que fomos no primeiro dia em que acordamos em Belfast, depois de passar por Carrickfergus e Glenarm. Demoramos quase um dia inteiro para chegar lá, não porque seja tão longe, mas porque dormimos no carro, paramos em vários lugares, nos perdemos, pegamos várias estradinhas.

Patrimônio da Humanidade pela UNESCO, The Giant’s Causeway é algo como um acidente geológico, formações de rocha basáltica que se constituíram a partir de uma erupção vulcânica. É uma reserva natural que recebeu um boost com estruturas turísticas, restaurante e muitas bugigangas para vender. Fica cheio de turistas.

A questão é que as formações hexagonais são tão incríveis que as pessoas, há muito, muito tempo atrás, tiveram que ser criativas para explicar algo que não podiam compreender. Aí surgem as lendas, e a de lá é sobre um gigante, o Finn MacCool. Segundo a estória, foi ele quem construiu esse caminho. No saguão para os turistas, eles mostram um vídeo que conta a lenda e a explicacão científica.

O lugar é muito bonito. Tem que caminhar uns vinte minutos até chegar ao caminho de MacCool.

Aqui tem início o local onde estão as rochas hexagonais. Parece feito por um gigante mesmo.

The Giant’s Causeway

Aqui seria o lugar preferido de Carol e Peterson, pois eles não precisariam por rato de pelúcia nenhum para ver as pessoas assustadas, trupicando nas pedras. Isso acontece naturalmente lá.

Finn MacCool quem fez.

Ele deixou pistas lá e também perdeu os sapatos.

Camelo, bota e órgão – Finn deixou pistas nas rochas.
Onde está a bota do Finn? Ele a perdeu fugindo de Benandonner.
Aqui
Finn é mais alto do que dois ônibus double-decker.

Anúncios

10 comentários sobre “Road trip na Irlanda: no caminho do gigante

  1. Adorei o lugar…que interessantíssimo! Que demais… Parece até aqueles lugares secretos com missões impossíveis em desenhos como “A Caverna do Dragão” sabe? Com pistas e tudo! Haha
    A lenda do gigante cabe muito bem aí! Legal!
    Realmente, difícil buscar explicação para este tipo de rocha, e não só pelo formato, como pela quantidade e organização delas.
    Vcs saíram muito bem nas fotos! E ambos combinando o look com calça jeans, camiseta, jaqueta e botas… repararam como estão iguais? Adorei!

    Curtir

    1. Camila

      Pois é, estávamos com um look parecido mesmo, mas não foi de propósito. É que essa é uma das minhas combinações prediletas, e o Erik não pensa muito no que vai por. É sempre calça jeans e camiseta, e agora esse novo par de botas.
      É isso mesmo, bem colocado, Caverna do Dragão!

      Curtir

  2. Pingback: Road trip na Irlanda: a ponte do precipício «

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s