Apresentando, minha casa em Liverpool

O Erik veio a Liverpool enquanto eu visitava meus pais em Portugal, depois de voltarmos dos Estados Unidos. Ele veio antes para procurar um lugar para ficarmos. Nós não tínhamos tantas expectativas sobre a cidade de Liverpool, mas achávamos que íamos nos divertir com a vida cultural daqui. Quando o Erik chegou, ficou em um hostel bem simples e teve uma semana de cão, indo de bairro em bairro para ver apartamentos. Ele estava bem decepcionado, pois os bairros eram afastados, meio perigosos. Ele ouviu estórias de arrombamentos. Os rapazes de moleton e pit bulls na coleira estavam por todos os lados.

Parecia impossível encontrar algo só para nós dois, por um preço adequado e boa localização. Erik já estava se perguntando o que viemos fazer aqui, já que esta foi mais uma das escolhas bem no escuro. Eu não sabia nada de Liverpool, a não ser que os Beatles são daqui e de que é uma cidade historicamente importante para a classe trabalhadora. Quando Erik questionava a nossa escolha, surge uma oportunidade ótima: um apartamento no prédio The Albany, bem no centro comercial da cidade. Ele pegou a oportunidade. Assim, moro no The Albany desde que cheguei aqui. O prédio é excelente, bem no centro, mas ainda assim em uma rua mais calma. É perto de vários supermercados, lojas, cafés, pubs, restaurantes, enfim, muito bem localizado, além de haver uma estação de metrô literalmente do lado, a Moorfields. Não moramos sozinhos, dividimos com dois rapazes bem fofos que já moravam aqui, o Rob e o Jamie – acho que já comentei sobre eles aqui.

Eu não podia estar mais contente com o resultado. Só pelo fato de ser tão bem localizado, já vale muito à pena. Quando você se muda para uma nova cidade, a localização é tudo. Ainda mais quando você faz tudo sozinha, a pé.

O The Albany fica na Old Hall Street. Quem quiser, eu passo o endereço e meu número de celular daqui por e-mail.

Old Hall Street

The Albany

O prédio parece ser uma casa antiga, grande e espaçosa. É muito frio nos corredores, como se fosse uma estufa de vinho no inverno. Assim que se entra no prédio, há um pátio:

Corredor

O meu andar:

O apartamento, como eu já comentei, é muito bom e espaçoso. Há dois andares (!), e os quartos ficam no de baixo, enquanto que a sala e a cozinha, no de cima.

Quartos
Meu quarto

No andar de cima, a sala e a cozinha são, na verdade, parte do mesmo ambiente. Os nossos flatmates têm um X-Box, imaginem se o Erik não adorou.

Sala
Cozinha
Única estante

Há uma varanda bem comprida:

Varanda

Da varanda, vista para o pátio do prédio:

Vista da varanda
Pátio visto de cima

O The Albany é um lugar bem legal para se morar, eu me sinto bem privilegiada de ter encontrado algo assim tão acima das expectativas. Meus companheiros aqui também são muito legais, uns fofos. Também já falei deles, mas agora os apresento. No primeiro fim-de-semana em Liverpool, eles fizeram questão de nos levar até um restaurante no topo de um prédio bem alto para tomar uns drinks, o Panoramic 34. Infelizmente, os drinks não eram tão bons assim, eu e Erik não estamos assim tão empolgados com os drinks aqui em Liverpool. Mas a noite foi bem legal.

Erik, Jamie e Rob

Liverpool, vista do bar

Pensando o que é casa, ou estar em casa (coisa que a Lou já escreveu em seu blog), decidi colocar aquela música bem fofa do Edward Shape & Magnetic Zeros, Home, que todo mundo deve conhecer.

Anúncios

16 comentários sobre “Apresentando, minha casa em Liverpool

  1. Que prédio e apartamento legal Camis!! O Erik escolheu muito bom, parece ser um lugar muito bom pra se morar =)
    Eu e o David estamos esperando ele ter um fds de folga pra podermos visitar.
    Adorei a sala e varanda. Adoro lugares com muitas janelas e iluminação natural.

    Curtir

    1. Eeeeee! Mas me fala antes quando vocês podem, pois tenho que ver se estou de folga ou se os meus horários não são tão ruins assim. Também teria que falar com os meninos que moram aqui.

      Curtir

  2. Mais um belo exemplo de quando achamos que nada vai dar certo, algo maravilhoso aparece!
    Amei as fotos do prédio e da sua casa, é tão bom pra gente se sentir mais próxima uma da vida da outra!! Não vejo a hora de colocar no meu blog as fotos do nosso apê, mais isso depende se todos os problemas acabarem e conseguirmos finalmente as chaves (mas isso é assunto para um post próximo).

    Curtir

  3. Ahhh Camila, mais uma vez digo; não sabe o quanto gostei deste post. Na verdade, pude conhecer via vídeo pelo skype, o seu apartamento, mas as vezes é melhor por fotos, devido a claridade, nitidez e estabilidade da imagem. O apartemaneto já começa a ser bonito desde a sua arquitetura e entrada. O modo como tirou a foto da entrada e do pátio, deu para se localizar muito bem e ter a real noção, do momento que se entra no prédio, onde fica este tal pátio. Os corredores belíssimos, assim como a disposição doa apartamentos. É realmente lindo o prédio, vcs tiveram muiat sorte em encontrar um local tão gostoso pra morar, e claro que merecem, pois foi trabalho do Erik 🙂
    Muito legal a foto do Erik no sofá! Adorei ver melhor a varanda, a parte da mesa de madeira, dos quartos. E o seu quarto todo bagunçado?!? hahaha
    Estava curiosa para conhecer os colegas de apartamento. Eles parecem bem bacanas, e tiveram uma atitude mais bacana ainda, de levá-los em um restaurante-bar super lindooooooo! Isso mesmo, aproveitem muito a noite de Liverpool. A foto dos três meninos juntos está linda, deu para sentir a atmosfera do local.
    E a sua foto…..Camila que liiinda vc está! Sério, uma coisa assim, difícil de explicar. Nunca te vi tão bonita! Uma pena a foto ter saído um pouco escura, e aí não deu para ver o look muito bem. Por que não clareou a foto um pouco? Adorei o cabelo, a cor das unhas, as pulseiras, a make e a blusa. Vc estava muuuuuito “Carrie – Sex and the City” ! Começe a pensar em suas fotos saírem sempre bem iluminadas e bem tiradas, pois sei que virão makes muito diferentes e lindas para todas as suas amigas apreciarem, heim?

    Curtir

    1. Ai, Carol, seu comentário virou um post, hahaha… Eu estava esperando pelo seu comentário para esse post, sabia que você ia gostar muito. Que bom! 🙂
      O quarto está sempre bagunçado mesmo, não há muito espaço sobrando com uma cama de solteiro e um colchão de casal no chão.
      Ai, Carol, obrigada! 🙂 Mas sabe que nem achei que saí tão bem assim? Enfim, essa foto saiu muito escura mesmo, e essa versão publicada já foi clareada. Foi o máximo que consegui consertar. Eu nem ia colocar no post, mas lembrei que vocês andaram comentando por aqui que não há muitas fotos minhas. A blusa é um das duas que comprei em Los Angeles.
      Hehe, já comecei com com a paleta nova, mas não é fácil criar o que temos na cabeça, né? Estou treinando bastante.

      Curtir

  4. Adorei este post! Lendo deu para imaginar você contando, sabe? Amei o fechamento com a música. Parece que você está gostando de sua estadia aí em Liverpool, senti uma leveza em suas palavras. Adorei o local em que está morando. O prédio além de ter uma localização ótima, é uma graça. Beijão enorme!

    Curtir

    1. Pois é, estou curtindo, sim, viver aqui. Como não aproveitar, não é? Super oportunidade legal de morar na Inglaterra. Mas tem coisas que também irritam, como certos comportamentos das pessoas que moram aqui – questões de limpeza, por exemplo, que deixam o meu dia a dia mais difícil. Ou o trabalho, que não é lá muito divertido. Mas eu gostei da cidade e estou tentando aproveitar ao máximo esta experiência temporária.
      Um beijão!

      Curtir

    1. Edina, you really enhanced the quality of this post, hehehe… 😀 I clicked on the link and found out that The Albany is actually a building of cultural/historical importance. We can be so unaware of these facts when we travel/live somewhere.
      I also discovered, one of these days, that the albert docks is not a unesco world heritage site alone, but part of a complex of eight places here in Liverpool that form a huge unesco heritage site. I am surrounded by history. We all are.
      When it comes to the Smeg, you’d be shocked. It’s so dirty, I don’t think the guys here really care about it. There’s a problem: the freezer is small. I don’t know if the shelves are IKEA, can you believe I haven’t seen a single store here?

      Curtir

  5. Pingback: Visita à Escócia: Edimburgo |

  6. Pingback: Viagem a Londres: The Buckingham Palace |

  7. Adriana Nagle

    Oi Camila! Primeiro de tudo, adorei seu blog! Parabéns!
    Bom, acabei achando seu blog meio sem querer…
    Eu pretendo fazer um estágio em Liverpool no começo de 2014… E achei super interessante o que vc relatou aqui nesse post! Estou procurando um lugar pra morar (apesar de ser estudante, estou indo para estagiar, então não posso arcar com a moradia de visitante da Universidade de Liverpool…)
    Queria saber se você tem alguma dica de moradia pra me passar? Algum lugar interessante pra me indicar, sei lá!?
    Beijos, tudo de bom!

    Curtir

    1. Oi Adriana!

      Obrigado pelo elogio. Espero que continue curtindo os outros posts.

      Olha, eu tenho que admitir que não sei nada sobre buscar moradia em Liverpool. Nessa época, eu estava em Portugal enquanto meu namorado foi atrás de um lugar para nós. Então eu não participei do processo – ele é que me passava as informações e fotos, e a gente decidia se gostávamos ou não. Já perguntei e ele não se lembra de nenhum site onde ele achou anúncios.

      Como qualquer outro lugar, é importante morar perto do estágio, né? Assim você economiza em transporte. Morar no centro é ótimo, lógico, pois você encontra tudo facilmente e é mais agitado. É bom ter um pouco de agito, movimento em volta, quando a gente se muda para um outro país sozinha. Uma parte bel legal do centro, onde muita gente jovem bem diferente vive, é Ropewalks.

      Desculpe não poder ajudar mais, mas realmente não sei de mais nenhuma dica útil. É importante dividir um lugar com alguém, pois o aluguel é meio caro. Dá para alugar quartos também. O importante é não passar nenhum documento ou conta de banco assim, automaticamente, pois há esquemas para arrancar dinheiro das pessoas ao pedirem pagamentos adiantados.

      Boa sorte na busca, volte para contar como você está se saindo.

      Abraços,
      Camila

      Curtir

  8. Renata

    Olá Camila,

    Adorei as tuas dicas. E mesmo lendo elas bastante tempo depois que tu estiveste por lá (3 anos aproximadamente) achei tudo super válido.

    Estou indo pra Liverpool daqui dois meses e também estou sem lugar para morar. Achei umas casas em oferta na internet, naquele Easyroommate, já ouviste falar? As propostas são interessantes mas fiquei desconfiada. Será que é mal de brasileiro achar que todos vão passar a perna na gente. Na casa onde tu moras/moravas não tem vaga disponível?

    Abraços,
    Renata

    Curtir

    1. Oi Renata!

      Desculpa pela demora em responder. Andei muito ocupada com minha tese de mestrado e só agora fiquei livre disso.

      Então, é bom mesmo ficar com uma pezinho atrás. Ouvi falar que existem esquemas de arrancar dinheiro das pessoas por meio de anúncios. Mas foi meu namorado que correu atrás de moradia, então não sei muito disso.

      Não conheço esse site, easyroommate. O apartamento onde eu morava já deve estar alugado para outras pessoas faz tempo. Os meninos que moravam lá antes de eu chegar se mudaram para Londres.

      Bom, neste momento você já deve estar morando lá, então espero que tudo dê certo.

      Abraços,
      Camila

      Curtir

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s