Uma visita à medieval Tallinn

O navio atracou no cais de Tallinn, capital da Estônia, às 10 da manhã de domingo. Os passageiros deveriam estar de volta antes das 6 da tarde, quando o navio retornaria para Estocolmo. Aproveitamos a noite de sexta, mas desta vez não estávamos de ressaca, como em Paris. Infelizmente, não tive tanta sorte, pois o tempo estava bem ruim, muita chuva. Não posso reclamar, pois quase sempre tenho sorte com isso. Desta vez, porém, era pé d’água mesmo.

Já mostrei, mas vale repetir. Tallinn fica aqui:

Tallinn, além de ser a capital, é a maior cidade de Estônia com uma população de 426.500. Por muito tempo ela teve outro nome, Reval. O que eu acho mais interessante é saber que a cidade já foi dominada por dinamarqueses, suecos e russos. Com exceção da Rússia, a história desta parte do mundo (Europa do Norte) é quase nula na escola, não?

A primeira vista que tive desta cidade foi ainda de dentro do terminal portuário:

DSC08331

Tallinn

Nos arredores do cais, havia alguns barcos…

DSC08336

… e este restaurante bem interessante.

DSC08335

De cara já deu para sentir que estava em uma outra Europa, aquela que não se adequa à idéia provinciana de “charme europeu”:

DSC08337

Estônia esteve sob domínio da União Soviética. Assim, caminhando pelos primeiros blocos, senti um clima de Leste Europeu, apesar de infelizmente nunca ter estado lá. Alguém já viu o ótimo e traumatizante “Para Sempre Lilja” (Lilja 4-Ever), do sueco Lukas Moodyson? Foi meio assim. É importante dizer, na verdade, que o Leste Europeu e os países Bálticos são todos diferentes, cada um com sua distinta história. Esse feeling é um estereótipo, uma generalização, mas estava lá.

DSC08332

DSC08334

Como disse, não tive sorte com o tempo. Assim que deixei o navio, começou a chover muito. Comprei um guarda-chuva.

DSC08338

Aniversário de 29 anos. Não queria estar sorrindo após a foto da senhora logo acima, mas esta é a única que tenho.

Eu e Erik começamos a caminhar em direção ao centro histórico de Tallinn, destino da maioria dos turistas, especialmente dos que vêm desses tipos de cruzeiro. O centro fica pertíssimo do cais. Dá uns 10, 15 minutos de caminhada. Não há como se perder. É só se guiar pela altíssima torre da igreja. A caminho do centro:DSC08351

DSC08343

Herança russa

O centro histórico é todo protegido por um muro bem antigo e vários portões que datam dos tempos medievais, de quando a cidade pertencia à Liga Hanseática. Tallinn foi uma cidade importante da Liga, devido a sua posição geográfica; era um forte centro comercial por onde escoavam as mercadorias.

DSC08345

Idade Média: Muro de Tallinn

Já entrando no centro, começam os restaurantes para turistas:

DSC08341

No próximo post, o centro histórico.

Anúncios

6 comentários sobre “Uma visita à medieval Tallinn

  1. Muito interessante! Nunca pensei em visitar a Estônia. Gostei do muro e do restaurante diferente. Camis, não se sinta culpada por estar sorrindo. É triste ver o sofrimento dos outros mas a sua tristeza não vai melhorar a vida dela enquanto seu sorriso pode melhorar a vida dos que estão em volta =)
    Beeeijos

    Curtir

    1. Aaaaaaaaaaaaaaaah, que lindo esse comentário! Adorei! Verdade… Eu também nunca na vida pensei que iria à Estônia, né? Nunca imaginei mesmo. Foi uma ótima oportunidade de ver um pouquinho desse país nessa parte do mundo (mas veja bem, bem pouquinho mesmo; o que é um dia?) e ainda experimentar um cruzeiro, já que nunca tinha feito (fora o de apenas um dia na Noruega).
      Beijão!

      PS: já estou no Brasil, estou na casa dos meus pais no interior. Seria muito legal a gente se falar no Skype quando eu voltar a Santos, depois da terça.

      Curtir

  2. Sempre temos a ideia de que toda a Europa é bela e livre de pobreza, mas parece que não é assim. Muito interessante a contextualização histórica, pois pouco vemos esta parte na escola mesmo. O bom é que podemos aprender sempre mais com você! 😀
    A arquitetura é bem histórica, gostei muito. Acho lindo essas construções típicas.

    Curtir

  3. Pingback: Mais cenas da medieval Tallinn |

  4. Pingback: Arco e flecha no jardim do rei dinamarquês |

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s