Aker Brygge, o cais de Oslo

Quando deixamos as estátuas de Vigeland no Frognerparken, eu e Erik fomos para a área do cais, onde é possível pegar a ferry para ilhas e fiordes ao redor. É lógico que eu queria fazer isso, amo andar de barco, mas o próximo sairia muito tarde, então a ver navios no cais mesmo. Falando em navios, havia um bem grande atracado lá:

IMG_0531Cais de Oslo, com a fortaleza Akershus ao fundo

Essa região fica bem próxima ao centro, basta pegar um bonde (o “metrô” da cidade). O cais de Oslo antes era como muitas dessas áreas: para os fortes. Era ali que se construíam barcos. Mas as últimas décadas trouxeram um processo de gentrificação forte, e o cais se transformou em uma área classe média/alta, cheia de bares e restaurantes caros e uma marina. Hoje é conhecido como Aker Brygge.

IMG_0530Aker Brygge

Ainda não havia tomado café, então eu e Erik paramos para uma xícara à beira mar. O lugar valeu pela vista, mas o café era caro e ruim.

IMG_0532

IMG_0533Braços cruzados pelo frio da forte brisa do mar

IMG_0534Renascendo das trevas do mestrado. Precisava de um corte de cabelo urgente

  A marina tem aquele ar de gente rica nórdica. Porque é o lugar dessa gente, né.

IMG_0537

IMG_0544

IMG_0542Esses não estão preocupados com as mudanças climáticas

IMG_0547

Erik gostou muito de um barco alemão à venda. Lógico que não cabe no nosso bolso, mas se coubesse, tenho certeza que ele gostaria de comprá-lo. O Erik ama velejar e disse que sabe conduzir um barco à vela. Espírito escandinavo.

IMG_0543

IMG_0548

IMG_0552

IMG_0551

IMG_0545

IMG_0554Aker Brygge

Mais tarde jantamos em um restaurante chique para celebrar meu aniversário. Adorei a visita a Oslo, foi rápida, mas deu para ver um pouco dos pontos mais visitados. No dia seguinte, segunda 16 de junho, já 30, dirigimos de volta à Suécia, mas paramos para passar a tarde em uma cidadezinha à beira mar, no litoral sueco, onde muitos também têm seus barcos: Smögen. Assunto do próximo post.

Anúncios

4 comentários sobre “Aker Brygge, o cais de Oslo

    1. Vou trazer um desses para ti, então, quando eu for para o Brasil. 🙂 Eu gostei muito dessa cor também, fiquei viciada. Mas agora que estou bem bronzeada depois da viagem à Grécia, o batom ficou berrante demais, parece que a boca é falsa. Então vou esperar um poquinho para usá-lo de novo. A marca é NYX, cor indie flick, não sei se tem por aí.

      Quando você for à Grécia, dá para fazer vários passeios de barco por lá, inclusive alugar um barquinho a motor.

      Curtir

  1. Pingback: Fim da comemoração de 30: ilha de Kleven e Lindsteds myr |

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s